Eu, Nova York, Viagem

Voo

Voo

Não sei quem de vocês já fez uma longa viagem de avião. Esta foi minha primeira vez e só posso dizer uma coisa: _Que negócio ruim!!! =P

Gente! Aquelas cadeirinhas sem espaço, sacudindo às vezes (nosso vôo teve bastante turbulência, parecia que estávamos de carro numa estrada de terra) e você sabendo que precisa dormir e não consegue, não acha canto, não acha posição. Aff é um desconforto só.

Como saímos de Porto Alegre muito cedo, (nosso voo era ás 13:00 horas pra SP) chegamos no aeroporto às 11:00. De imediato nos adiantaram pra um voo naquela hora mesmo e fomos mais cedo pra SP. Ficamos em SP até quase oito horas da noite pra embarcar para os EUA.

Comida de aeroporto é cara, logo economizamos na comida comendo uma merrequinha num restaurante, logo eu estava morrendo de fome quando embarquei. Pensei: “_ Ah eles servem jantinha, não vou passar tanta fome assim”. Gentchiiii que erro. É obvio que eles servem janta, mas eu esqueci do detalhe que o avião tem que estar em cruzeiro (imagino que seja andando em linha reta e não subindo e numa velocidade estável) antes de servirem qualquer coisa. Ou seja, a janta foi servida mais de 11:30 da noite e eu que já tenho o estômago fraco, com fome, num avião apertado e sacudindo… foi bem difícil (classe média sofre né? hahah).

Teve coisa boa também, a comida estava ótima (comemos purê de batata, vagem, cenoura cozida e frango com um molho, além de salada e um mini bolinho de sobremesa com refrigerante), não sei se era a fome, o enjoo, o desespero, só sei que achei a comida divina!! Comi queimando a boca tudo (porque fica MUITO quente aquelas marmitinhas e eu não podia esperar esfriar). De barriguinha cheia assisti dois filminhos (desenhos) e me ajeitei para não  dormir.

Na televisãozinha individual tem vários filmes, de vários gêneros (não tem legenda mas tem alguns filmes dublados). O que te distraem de forma bem eficiente.

OH! Deixo o recado, você que não sabe inglês direito e acha que vai pros EUA e vai se virar, fica a minha lição  NÃO FAÇA ISSO! Dentro do avião já acaba todo português e não dá nem pra pedir uma bebida diferente de coca cola! hahaha 

Quando serviram o café da manhã (eles te acordam com as comidinhas perto da chegada na cidade) serviram um pãozinho, uma salada de frutas, manteiga e geleia. Tomei refrigerante de Gengibre porque eu sabia falar “Ginger”. 😛

Chegamos em Washington em cima do horário de embarque pra Orlando. Chegamos as 07:10 e o outro voo era 07:20 (algo assim) eu já estava apavorada, derrotada, dizendo “vamos perder o voo”, vamos atrasar e todo blá blá blá , confabulando na minha cabeça se eu ia ter que pagar extra ou não, se era responsabilidade da empresa ou não. E sofrendo porque quem ia ter que resolver as coisas jurídicas era eu, através do Cássio (porque eu não falo inglês né?) aí eu falo, ele repete e escuta e me fala e vira um peteco só.

Em Washington tínhamos que passar pela alfândega, pegar a  mala, passar pelo vistoriador, entregar a mala e ir pro portão de embarque do outro voo. Mesmo sabendo que não ia dar tempo o Cássio pediu pra irmos rápido, pois talvez houvesse esperança. Assim que saímos do avião fomos andando rapidão entre os corredores, até chegar na fila da alfândega.

Até que foi bem rapidinho, apresentamos os passaportes, respondendo as duas perguntas que fizeram (O que vc vai fazer. Pra onde você vai)  e seguimos em frente, pegamos as malas correndo, passamos pelo tio que olha as bagagens (que não olhou a nossa, apenas conferiu o passaporte) e fomos pro outro local de despachar a bagagem (uma esteira logo após a alfândega).

Antes de deixarmos a mala, vimos que o nosso cadeadinho não estava mais onde havíamos colocado. Quebraram – no e arrombaram uma trava que nossa mala tem. Eu sabia que isso podia acontecer, abrimos a mala e encontramos a famosa cartinha da Segurança dos EUA (pode ler mais aqui http://www.viajenaviagem.com/2010/06/vai-passar-pelos-eua-use-um-cadeado-aprovado-pela-tsa/). Desde o atentado de 11/09 eles abrem as malas para conferir as coisas que tem dentro e ter certeza que não tem nada perigoso. E se você teve a mala quebrada, danificada, so sorry, é assim mesmo!

Fica a dica: Como eu estava levando comida na mala (Goiabada, chocolate, bananinha) pode ser que estes produtos tenham chamado a atenção da fiscalização. Se for levar comida, levem na bagagem de mão. Pode ser que não tenha nada a ver, mas vai que é isso.. rs

Conferimos todos os itens, tudo continuava no lugar, a mala pequena que estava por dentro continuava travada e sem modificações, então colocamos na esteira e saímos correndo loucamente pelo aeroporto a procura do portão do nosso voo. Subia escada, descia escada, corria corria corria e chegamos no nosso portão quase sem ar. A atendente viu meu estado e disse (em inglês): _Calma, está tudo certo, você chegou a tempo. 😛

Subimos pro voo e sentamos e então esperamos, esperamos e esperamos, mais de hora! Porque todas as pessoas que estavam no meu voo e que iam pegar aquele pra Orlando estavam sendo aguardados, enquanto realizavam todos os procedimentos, com calma. Cuén!! Desespero à toa. rs

Na ida pra Orlando foi tudo tranquilo, sentamos ao lado de uma senhora super simpática e o Cássio ficou conversando com ela e eu fazendo cara de paisagem, fingindo que entendia o que eles estavam conversando ou pedindo pro Cássio perguntar alguma coisa e traduzir de volta. 

Chegamos em Orlando e fomos pegar nossa bagagem. O aeroporto de Orlando é gigante, é bonito. É bem legal. Quando pegamos nossa bagagem fui conferir mais uma vez nossa mala e desta vez a mala pequeninha estava arrombada. Enfim, acontece. Mas estava tudo lá ainda.

Pegamos nossa mala, despachamos pra seguir pra NY e ficamos lá no aeroporto. Dei umas voltinhas, comemos, tomei um smoothie super gostoso. Fizemos uns alongamentos no chão do aeroporto, pra ver se desentrevava um pouco. E seguimos pra mais um voo.

Neste voo não sei porque nos colocaram em cadeiras espaçosas, uma área de cadeiras um pouquinho mais folgadas que tem entre a primeira classe e a classe mega ultra econômica. Fomos bem felizes e contentes pro nosso ultimo destino.

Chegando em Nova York, finalmente, fomos mais uma vez pegar as malas. Desta vez estava tudo certo. Não arrombaram as malas de novo! hahaha

Andamos até a saída (e que saída longe) foi mais de 20 minutos de caminhada dentro do aeroporto de NY. Lá encontramos o Iure nosso amigo querido que veio nos receber e que nos levaria até em casa.

Pegamos o metro, descemos na estação errada. Pegamos outro trem.

A atendente do guichê do trem, parecia personagem de filme. Sabe aquelas pessoas que nem te olham? Continuam de lado, te ignorando ai de repente viram o pescoço com cara de desprezo e te dão uma resposta mais ou menos e continuam a fazer oque estavam fazendo como se você tivesse evaporado. hahah Muito figura.

Momento nada a ver:Uma coisa interessante que acho que vale ficar registrado. Nos banheiros dos aeroportos e em vários outros dos EUA, a gente não precisa dar descarga. Tem um sensor que reconhece presença e quando você afasta ele já funciona automaticamente. Prático e eficiente pra banheiros públicos né?

Chegamos na estação de metro, subimos e descemos um monte de escadas e finalmente chegamos na casinha da Mel! Nhoim.

Conhecemos o Gato fofo que mora lá, comemos pizza e papeamos muito até umas 2 da manhã. Aprendemos como funcionam os chuveiros americanos (aqueles de banheira) e fomos dormir.

Muitas risadas, muitas conversas, um assunto emendado e sem terminar. Ou seja, alegria!! \o/

Anúncios

2 thoughts on “Voo”

  1. hahaha quando vi que postou a parte 3 corri pra ler a segunda parte. Tô adorando Nati!!!
    E sim o sensor de descarga merece seu espaço, achei um máximo tb!!!kkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s