Nova York, Relações, Viagem

Nova York – Últimas impressões

Oi pessoal!!

Descrevendo meu roteiro, algumas coisas não comentei, porque ficavam meio descabidas no meio da história.

Além dos lugares que eu fui, a cidade tem um zilhão a mais de coisas pra fazer, pra ver, pra curtir. Acho que o principal lá é ficar de olhos abertos!

Nunca tinha pensado em viajar para qualquer cidade dos EUA além da Disney (na minha cabeça, Disney era um lugar/cidade e demorei a processar que a cidade tem muitas coisas além dos parques). E quando surgiu a oportunidade de viajar pros EUA, porque não ‘chegar’ até Nova York pra ficar com ‘ozamigos’.

Como nunca tinha pensado em ir pra lá, nunca tinha visto coisas legais à respeito da cidade. Nunca havia pesquisado locais, restaurantes, pontos turísticos, pesquisado o mapa e roteiros, deixei tudo pra curtir de acordo com o que nossos amigos quisessem fazer também, então fui sem planos e sem expectativas.

E foi ótimo. Como eu não esperava nada além de descansar a mente e conhecer um local novo, Nova York me surpreendeu muito positivamente. É uma cidade linda, VIVA, cheia de coisas legais, lugares legais, pessoas interessantes.

Apesar de ter passado apenas 5 dias, foram mais que suficientes pra eu me apaixonar e querer voltar mais e mais vezes. O Cássio gostou muito também e com certeza, iremos pra lá de novo.

Como falei acho que o principal é ‘manter os olhos abertos’, sabe como é?!? Estar presente no presente, aproveitar o que tem a seu redor. Não ficar naquela loucura frenética de fazer tudo correndo, porque senão não dá tempo de ver ‘tudo’. Gente? Quem vê tudo que existe pra ver numa cidade dessa? Sempre vai ter uma experiência nova pra curtir, uma percepção diferente da mesma coisa.

Em viagens o melhor pra mim é fazer conforme o sentimento, a vontade.  Quer ficar andando nas ruas olhando pra cima, FAÇA! Quer demorar 3 horas aproveitando o ambiente de um restaurante, Ótimo! A gincana de corre corre pra marcar todos os check in disponíveis não é pra mim.

Até comentei em alguns dos posts pra trás que não fomos em uma das feirinhas que tinha na Union Square, porque estávamos passeando em outros lugares. Perdi, devia ser legal, paciência, vai ficar pra próxima vez!

Nova York tem ótimos restaurantes, ótimas lojas de compras, muitos pontos turísticos históricos, comida de todo jeito, cabe qualquer cultura. Além de ser uma metrópole toda comercial e com atendimento sem defeitos.

Ficam aqui algumas impressões e comentários sobre a cidade e a viagem:

  • A cidade tem todas as temperaturas, então dá pra ir na época que você se sente mais confortável. Outono, Verão, Inverno, Primavera, cada estação muito bem marcada e com paisagens super diferentes.
  • Fui no inicio do Outono e a temperatura estava ótima. Tinha sol, vento, estava temperatura próxima dos 20 graus e que só esfriava à noite. O Central Park estava cheio das folhinhas marrons caídas no chão, mas ainda tinha verde. Estava bem bonito.
  • Próxima vez que formos para NY quero ir no Inverno. Ver a neve, patinar no gelo no Central Park e tirar foto com o nariz vermelho de frio! =P
  • O que mais me encantou em NY foram as pessoas. Sério eu queria tirar foto das pessoas! Lá existe liberdade de vestir, de cabelo, de estilo. Roupas coloridas, diferentes, extravagantes. Cabelos de todo jeito e de todo tipo. Amei!
  • Numa das lojas do shopping que fomos, tinha uma menina trabalhando no caixa que tinha metade da cabeça raspada, estava com um cílio imenso!!! Bem diferente do padrão socialzinho que temos por aqui.
  • Não nos sentimos incomodados em nenhum local lá em NY. Nem na rua, nem no metrô, nem nos parques, não dá medo andar na rua, não dá receio de vir qualquer pessoa em sua direção. Claro que lá acontece crimes também, mas a ‘aura’ da cidade, não é de medo.
  • O metrô de NY é bem sujo. O chão e as paredes são meio encardidos. Os trilhos tem muito lixo acumulado, sacolas, não tem nada de bonito nessa parte não…
  • Não achamos fácil andar de metrô em NY. Várias linhas passam no mesmo ponto. Tem que ficar atento pra ver qual é o seu e se ele está indo pro lado que você quer. São várias entradas e saídas, às vezes vocês está de um lado, descobre que é o lado errado, tem que procurar onde que o metrô passa para o lado certo. Enfim, não é um bicho de sete cabeças, mas tem que estar concentrado antes de entrar no primeiro metrô que achar.
  • Alguns ‘pontos imperdíveis’ que existem em roteiros de viagem devem ser analisados conforme sua perspectiva de legal. Se você gosta de lanchinhos, procure estas dicas, se aprecia refeições não perca tempo indo naquela super padaria famosa, só porque tem que ir. Por exemplo, Magnólia Backery é famoso, mas o bolinho não é grandes coisas, Papay’as Dog eu achei maior boteco copo sujo e prefiro várias outras opções. O famoso Hot Dog de barraquinha de rua, também dispensei, não gosto de salsicha pra que arriscar?
  • Respeite seu sono e seu cansaço. Não significa dormir 10 horas e ficar em casa à toa. Mas se está muito cansado é melhor dormir e descansar e sair bem humorado do que ficar cansado o passeio todo e não aproveitar.

Enfim, por enquanto é isso. Próxima parada Disney \o/

 

Anúncios

1 thought on “Nova York – Últimas impressões”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s